O que é hostel? 7 dicas para você ter a melhor experiência como hóspede

Desde que conheci o que é hostel, lá em 2012, busquei priorizar por esse tipo de hospedagem em minhas viagens.

Pois além de ser algo mais flexível e barato, é uma ótima maneira de conhecer outras pessoas, principalmente para quem está viajando sozinho.

Além disso, para mim o hostel é uma grande escola em que aprendo todo tempo a conviver melhor em sociedade, muito pelo fato de que a maioria das suas acomodações precisam ser compartilhadas entre todos, inclusive os quartos e os banheiros.

Durante meu mochilão pelo Brasil, me hospedei em alguns deles que estão espalhados pelo nosso país e, nesse momento, estou tendo a oportunidade de vivenciar uma experiência que já tinha em mente desde o início dessa viagem: trabalhar em um hostel!

Hoje, sou voluntário do Vida Backpackers, aqui em Jericoacoara no Ceará.

O fato é que estando do outro lado do balcão, sendo staff – nome dado para quem trabalha no hostel – vejo muita gente não aproveitando essa experiência da melhor maneira possível.

Por isso, preparei esse post para esclarecer melhor o que é hostel e também para dar algumas dicas para você, que pretende adotar esse tipo de hospedagem, consiga tirar o melhor proveito dela, independente de onde esteja viajando!

Continue acompanhando a leitura comigo para entender do que estou falando.

O que é hostel?

O primeiro hostel foi criado em 1912 por um professor alemão que acompanhava seus alunos em viagens acadêmicas e teve que enfrentar por diversas vezes a dificuldade de encontrar hospedagens baratas para os estudantes.

Pois bem, o hostel nada mais é do que um tipo de hospedagem que possui um baixo custo, quando comparado com as que são mais tradicionais, tal como hotéis e pousadas.

Além disso, a proposta de um hostel geralmente é receber jovens e mochileiros, sendo um espaço que, por natureza, promove uma interação social maior.

O que faz de um hostel ser uma opção mais barata, é o fato dos quartos serem compartilhados. Ou seja, você vai ter que dividir um quarto com mais 3, 4, 5,10 ou até muito mais pessoas, que na grande maioria das vezes são desconhecidas.

Aliás, é isso que faz com que esse seja um ambiente ideal para conhecer novas pessoas, pois fica muito mais fácil socializar quando está se compartilhando o quarto com os outros, além das outras áreas que são de convívio geral.

Além de ter uma diária mais acessível, o hostel oferece uma estrutura que ajuda na economia de outros custos da viagem.

Um exemplo disso é o gasto com a alimentação, visto que os hóspedes podem usar a cozinha para preparar suas refeições e, assim, baratear a viagem.

Outra oportunidade bacana é a de conhecer diversas culturas, pois dependendo do destino, é possível encontrar gente de outros cantos do país e do mundo.

o que é hostel 1
Staff e Hóspedes felizes após a sua estadia no hostel!

Como ter a melhor experiência em um hostel?

Agora que você já sabe o que é hostel, vamos para a parte prática, vou listar aqui 6 dicas, baseada em minha experiência se hospedando e trabalhando nesse ambiente.

A ideia é lhe ajudar para que consiga aproveitar melhor a sua hospedagem quando estiver viajando, ok?

1. Pesquise antes

Uma boa experiência começa com a escolha do hostel. Saiba que existem sites de reservas em que podem ajudar nessa questão, o Booking é o mais conhecido deles.

Mas, o que você precisa analisar? Preste atenção em alguns pontos essenciais, tais como a localização, as fotos das acomodações do hostel (tome cuidado pois algumas podem enganar), o seu preço e, principalmente, as avaliações e os comentários de quem já se hospedou por lá.

Aliás, ver as avaliações de ex-hóspedes é uma ótima maneira de confirmar se tudo que está na descrição é verdade mesmo.

Porém, tome cuidado, pois é natural que apareçam avaliações que não condizem com a realidade. Então, procure tomar como base uma certa quantidade delas e não apenas uma ou 2 isoladamente.

o que é hostel 5
Recepção do hostel com algumas regras da casa

2. Seja um bom hóspede

Saiba que o relacionamento com o próprio hostel é um dos pilares para que você tenha uma boa convivência por lá.

Geralmente, os hostels são bem flexíveis com a maioria das coisas, mas muita gente confunde isso com bagunça! Então, é preciso entender que os hostels também possuem suas regras.

Vejo muita gente pisando na bola em coisas que são até simples, como por exemplo, não entender que na maioria das vezes o horário de checkin não pode ser adiantado porque os quartos estão sendo limpos, não lavar a louça, fumar nos quartos e nem respeitar o horário de silêncio.

Como já falei, o hostel é uma excelente oportunidade para aprender a conviver melhor em sociedade, então é preciso estar disposto a respeitar as suas regras para que tudo funcione na mais perfeita harmonia.

Além disso, procure tratar bem toda a galera que está trampando por lá, uma boa educação não faz mal a ninguém e você não quer passar a imagem de que é alguém folgado, não é mesmo?

Saiba que você pode precisar dos staffs para resolver qualquer problema que surgir e eles também podem contribuir muito para que sua experiência no local seja incrível.

o que é hostel 2
Tem hóspede que é tão querido, que faz até questão de tirar uma foto com a gente!

3. Seja um bom colega de quarto

Falando em ter uma boa convivência, por favor, seja um bom colega de quarto! De longe, esse é um ponto que separa os bons hóspedes dos que não são tão bons assim…

Tenha em mente que o quarto não está disponível só para você, tem outras pessoas usando também. Então, não vacile nesse ponto! Aliás, você não quer ser o inconveniente do quarto que ninguém gosta, certo?

Para facilitar, listei algumas boas práticas para você entender do que estou falando:

  • Não leve muito tempo para tomar banho;
  • Evite acender a luz do quarto depois das 23 horas e também de manhãzinha;
  • Usou o banheiro? Deixe-o limpo para que os outros possam usar também;
  • Cuidado para não zonear o quarto inteiro;
  • Ao se levantar, lembre-se que pode ter gente dormindo ainda, então o silêncio também é bem-vindo;
  • Se for fazer o checkout bem cedo, cuidado com o barulho ao arrumar as suas malas. Aliás, você pode evitar isso deixando suas coisas praticamente prontas no dia anterior.

Pode parecer pouca coisa, mas são esses detalhes que contribuem para que você passe a imagem de que é alguém firmeza para quem está convivendo contigo nesses dias de viagem.

o que é hostel 3
Já diria o Buda né…

4. Aproveite a cozinha

Em um dos hostels que eu passei, ouvi a seguinte frase de um colega mochileiro: “O que une as pessoas em um hostel é a cozinha”.

Realmente isso é verdade! Usar a cozinha, além de baratear os gastos com alimentação, é uma ótima oportunidade de conhecer melhor os outros hóspedes, trocar experiências e compartilhar não somente as refeições.

Você pode até não saber cozinhar, mas só de se juntar com a galera para fazer algum rango e dar uma ajuda já é um bom começo para quebrar o gelo e sair do tradicional “Oi, eu sou o Matheus e sou de tal lugar e fico aqui até o dia X.”

5. Se enturme com a galera

Outra coisa que você não pode deixar de fazer é buscar sair da zona de conforto e fazer amizade com os desconhecidos que estão compartilhando o hostel com você.

Acredite, essa é uma ótima oportunidade de fazer novos amigos, descobrir coisas em comum, ter companhia para tomar uma cerveja e até se divertir juntos conhecendo os lugares e também ir juntos para as festas.

Me lembro que boa parte dos lugares que mais gostei de ficar, foram os que eu mais me enturmei com o pessoal que estava no hostel e praticamente viramos uma família. Ainda mantenho contato com muitos deles até hoje!

Saiba que os lugares não são feitos somente de suas paisagens e atrações, mas também das pessoas que estão ali contigo.

o que é hostel 4
Hóspedes de diferentes lugares do Brasil e do mundo em uma das festas aqui em Jeri

6. Esteja disposto a conhecer o novo

Outra dica bem valiosa é você “se desarmar” completamente de tudo que já conhece e estar disposto a conhecer coisas novas, principalmente quando falamos de aprender sobre culturas diferentes.

Para que isso seja possível, é preciso que você abra seu coração, tente não ser muito racional e deixe de lado todos os seus preconceitos, principalmente sobre as coisas que você mal conhece ou nunca viu.

Saiba que uma das grandes contribuições que um hostel pode gerar na sua vida é te colocar em contato com gente que não é igual a você e com visões de mundo totalmente diferentes.

Trocar uma ideia e experiência de vida com essas pessoas é uma das coisas mais sensacionais que podem acontecer na sua viagem!

Acredite, ficar em um hostel não é somente gastar menos, mas se dar a chance de crescer muito como ser humano, basta você querer!

7. Seja você mesmo

Por fim, minha última dica é para que não tenha medo de ser você mesmo. Temos a mania de querermos moldar nosso comportamento com receio de que os outros pensem algo errado de nós ou nos julguem.

Mas saiba que não tem coisa mais incrível do que a troca de experiência entre as pessoas, que são diferentes por natureza. Fique tranquilo que se houver sintonia, as ideias vão fluir e o que menos vai acontecer é qualquer julgamento por parte de quem está ali conversando com você

Aliás, eu tenho a teoria de que todos temos uma história de vida interessante, eu falo isso para todo mundo que me fala: “Nossa, a sua vida que é massa, tá viajando e tal, eu ainda não fiz nada”.

Então, vai lá, se esforce, esqueça esse olhar de escassez e troque-o pelo olhar de abundância para contar o que você fez até aqui nessa sua arte de sobreviver e viver!

Essas foram as minhas dicas sobre o que é hostel de verdade. Eu ficaria muito feliz se elas te ajudarem em alguma viagem que você for fazer algum dia!

Agora que você já sabe o que é hostel e como aproveitar melhor a experiência se hospedando em um deles, o que acha de acompanhar os outros posts curtindo a página do blog no Facebook e Instagram?

Matheus Boscariol

27 anos, mochileiro, dando um rolê pelo Brasil.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *